O grande Out Run!

Feche seus olhos e imagine-se dirigindo o carro conversível dos sonhos de qualquer mortal, em uma paisagem tropical, ouvindo a suave batida caribenha que vêm do rádio… Aí você olha para o lado e vê uma loira escultural , linda, com o vento soprando seus longos cabelos… até você se distrair e bater seu carro! Isso é Out Run, game da Sega, que de acordo com seu criador, Yu Suzuki, não é um jogo de corrida, mas sim um jogo de “direção”. Acompanhe-nos enquanto contamos a história deste que foi e é um dos arcades de maior sucesso da Sega, até hoje lembrado por sua jogabilidade única e trilha sonora inesquecível. Get ready!

outrun1Out Run foi criado em 1986 por Yu Suzuki e a divisão Am2 da Sega (essa divisão é responsável por vários sucessos da empresa, entre eles After Burner, Hang On e Daytona Usa). O objetivo do jogo é passar pelos checkpoints dos vários estágios no menor tempo possível com sua Ferrari Testarossa e sua gata loira. Se o tempo acabasse antes disso, era game over. Uma das grandes sacadas do game era oferecer ao jogador a opção de qual caminho tomar durante a partida, o jogador tem que jogar por várias vezes para conhecer todos os caminhos, que vão de paisagens tropicais, praias, áreas com gelo, áreas rurais, etc.

No início, a Sega lançou 4 tipos de máquinas para o jogo: Duas “upright”, onde o jogador ficava em pé durante a partida e duas “sit down”, como o nome indica, o jogador ficava sentado. Todas as versões vinham com o volante com sistema “force feedback”, câmbio com duas posições e pedais de acelerador e freio. As versões sit down contavam também com um motor que fazia o gabinete chacoalhar de acordo com os movimeout-runntos no jogo.

Outro aspecto muito legal do jogo é sua trilha sonora: Antes de começar a dirigir, o jogador tinha três trilhas à escolha : Passing Breeze (minha favorita),Splash Wave e Magical Sound Shower, que eram selecionadas no rádio da Ferrari. As músicas foram compostas por Hiroshi Kawaguchi, que já havia trabalhado com Yu Suzuki em outras trilhas sonoras e era parte de banda da Sega à época. A trilha traz batidas latinas, um pouco de jazz dos anos 80 e “beach music”. Existem várias versões da trilha sonora lançadas em cd até hoje, já que as músicas não ficaram apenas nas três que podiam ser escolhidas no árcade, mas isso é conversa para outro momento.

A recepção ao jogo foi muito boa, tornando-se o árcade que mais vendeu no ano de lançamento, com mais de 20.000 unidades vendidas, rendendo-lhe o prêmio de melhor arcade do ano no Golden Joysticks Award.

 Com tanto sucesso, não demorou para que o game começasse a ser convertido para os videogames e computadores, criando um grande legado e várias continuações e versões que só fizeram cativar ainda mais fãs.

Logo menos, parte 2!

Compartilhe!

Post Author: Julian Camargo

O Julian é um gamer das antigas. Apaixonado por videogames e por jogar. É um grande fã dos jogos e consoles PlayStation. Suas franquias favoritas são Uncharted e Ratchet and Clank. Também gosta de ler, ouvir musica, gatos e tecnologia. É professor coordenador pedagógico em uma escola de idiomas e leciona inglês e espanhol em outra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *